Exposição de Símbolos Sagrados é realizada no CCSE

 
O evento é voltado à comunidade acadêmica e alunos do ensino público.

 

O curso de Licenciatura em Ciências da Religião, em colaboração com o Grupo de Estudos e Pesquisas em Ensino Religioso na Amazônia (GEPERA) da Universidade do Estado do Pará (Uepa), realiza nesta quinta-feira, 5, a segunda edição da exposição Símbolos Sagrados das Religiões: conhecer para respeitar e conviver em paz. Voltada à comunidade acadêmica e alunos do ensino público, a programação será no Hall do bloco VI, do Centro de Ciências Sociais e Educação (CCSE).

As atividades iniciam às 8h e se estendem até as 19h. Com o intuito de sensibilizar e esclarecer informações ao público para o respeito à diversidade religiosa existente na sociedade e contribuir para uma cultura de paz, serão expostos os símbolos sagrados das diferentes religiões do mundo. A exposição é organizada pelos alunos do terceiro e quarto ano do curso, por meio do projeto de extensão da disciplina de estágio supervisionado.

Conforme explica a professora Iolanda Costa, que também atua como uma das organizadoras da iniciativa, “por meio da exposição, será possível que as pessoas conheçam as características e peculiaridades dos símbolos sagrados das diversas religiões, para o respeito da convivência dos mais variados credos". Além disso, Iolanda também ressalta que, dessa forma, “poderemos construir uma cultura de paz em uma sociedade de grande diversidade religiosa”.

O período em que é realizada a segunda edição da exposição ocorre às vésperas do Círio de Nazaré, a mais tradicional festividade religiosa da Amazônia, que acontece na segunda semana do mês de outubro. “Nós achamos muito oportuno realizar essa atividade neste dia 5, justamente por estarmos em um momento em que Belém está vibrando com o Círio de Nazaré. Esse clima das pautas religiosas está em foco, então é interessante aproveitarmos esse período para refletirmos acerca da importância da valorização da diversidade”, conclui a professora.

 

Texto: Messias Azevedo (Ascom Uepa)
Foto: Márcio Ferreira (Arquivo Ascom Uepa)