Prorrogadas inscrições para o Processo Seletivo 2016

 

Poderão se inscrever candidatos que participarem do Enem 2015, estiverem em fase de conclusão ou concluído o Ensino Médio

 

 
As inscrições para o Processo Seletivo (Prosel/2016) da Universidade do Estado do Pará (Uepa) foram prorrogadas até a próxima terça-feira (13). São ofertadas 1.710 vagas, distribuídas em 22 cursos de graduação. Os interessados devem se inscrever, exclusivamente, via internet, por meio do endereço http://www.uepa.br/daa.
 
No site, o candidato deverá, inicialmente, preencher o cadastro com os dados pessoais e, posteriormente, preencher as informações relativas ao Prosel/2016. Será gerado o número de protocolo da solicitação de inscrição. Somente o preenchimento do cadastro com dados pessoais não implica na geração de solicitação de inscrição. O Cadastro de Pessoa Física (CPF) é documento obrigatório para o ato, além de um endereço de e-mail válido e único.
 
Na inscrição será gerado um boleto no valor de R$ 25 referente à taxa que deve ser pago, em qualquer agência bancária, até 14 de outubro. O período de solicitação de isenção do pagamento das inscrições para pessoas com deficiência e para servidores da Uepa e dependentes legais encerrou em 28 de agosto. Para candidatos que concluíram (ou estão concluindo em 2015) o Ensino Médio em escolas da rede pública, localizadas no Pará, o período se encerra também no dia 8 de outubro.
 
A partir deste ano, a Uepa adota as notas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) como critério de avaliação do Prosel. Por isso, os interessados em concorrer a uma vaga deverão fazer as provas do Enem, realizadas em 24 e 25 de outubro. Outro critério para participar do Processo, é estar em fase de conclusão ou ter concluído o Ensino Médio.
 
Será automaticamente eliminado do Prosel, o candidato que faltar em, pelo menos, um dia de prova do Enem 2015, obtiver nota inferior a 400 na Redação, numa escala de 0 a 1000, ou ainda média aritmética das notas do Exame inferior a 400.
 
A Uepa reservará 40% das vagas ofertadas a candidatos que cursaram o Ensino Médio em Escolas da Rede Pública Brasileira. Ainda será atribuído um bônus de 10% sobre a média aritmética das notas obtidas no Enem, aos estudantes que concluíram o Ensino Médio em escola pública do Pará. A comprovação dessas condições será feita no ato da matrícula. O candidato que não provar a veracidade das informações será eliminado do Processo, perderá o direito a vaga e de se matricular.

Foto: Bianca Almeida/Ascom-Uepa